top of page
  • Foto do escritorShantideva

Tantra para Casais

Atualizado: 27 de fev. de 2023

A palavra Tantra significa, dentre outras coisas, “expandir, ser livre, ser liberado”. Se quisermos ser realmente livres, nossa sexualidade não deve ser reprimida; deve ser vivida em sua totalidade, com alegria e sem culpa.



O Tantra coloca ênfase na ideia que o que é sexual é sagrado, e que não deveria haver repressão ou culpa ligadas às experiências com a sexualidade. O Tantra ensina que, quando uma pessoa se aproxima de outra em uma experiência sexual, deve carregar um sentimento do sagrado, como se estivesse entrando em um templo. e que, para conhecer a verdade sobre o amor, você precisa aceitar o aspecto sagrado do sexo. Quando vivenciamos o Tantra, aprendemos que ter prazer é uma forma de oração a Deus, em gratidão pela nossa existência. E aprendemos também a gerar força vital através do corpo

Mas como podemos vivenciar isso, já que a nossa orientação cultural sobre a sexualidade seguiu em outro sentido?

Primeira lição: aprender a transitar pela experiência com a energia sexual sem esforço e sem lugar a se chegar!

Segunda lição: entender que a energia sexual irá fluir com mais qualidade em corpos relaxados, abertos ao prazer e à vulnerabilidade

Terceira lição: aprender que uma sexualidade cujo vetor de energia esteja voltado para dentro é mais transformador e empoderador do que o contrário. Aqui entra o que chamamos de Estado de Presença! É importante constatar que estamos operando no sentido inverso, ou seja, com o vetor apontado para fora, em busca de lugares especiais e/ou de atender expectativas.

Quarta lição: aprender a arte de desgenitalizar o prazer, entendendo que isso não significa dizer não aos genitais, mas usufruir de seu potencial sensorial com uma lógica de distribuição das cargas energéticas pelo corpo todo.

Quinta lição: aprender a usufruir e incorporar em seus encontros o tripé respiração, movimento e sons para potencializar os movimentos energéticos.

O Tantra vê a prática sexual como uma forma de gerar força vital através do corpo que cura, rejuvenesce, energiza, além de ser uma meditação para alcançar estados expandidos de amor e consciência.

Oferecemos um treinamento específico para casais, chamado “Delerium”.

Os facilitadores deste treinamento em sua versão em grupo – Premali e Shantideva – tiveram a oportunidade de conduzir quase 2.000 casais ao longo dos últimos 9 anos.

Os relatos dos participantes são tocantes e revelam que o formato do treinamento é adequado para que que experimentem significativas transformações, sejam eles conhecedores ou não na arte do Tantra, do Yoga, do Taoísmo ou abordagens similares. Não há qualquer pré-requisito para a participação.

Texto escrito por Osmar Shantideva



37 visualizações0 comentário

Comments


bottom of page